15/10/2015
Presidente do Conselho Deliberativo convoca sócios para Assembleia Geral

´Neste sábado (17), das 8h30min às 12h30min, no Hall do 2º andar do Club Municipal - localizado na Rua Hadock Lobo, 359 -, o America Football Club pode dar um passo importantíssimo na direção do profissionalismo e de uma gestão ideal, que trará bons frutos ao clube num futuro próximo`. A opinião é de Neil Chaves, Presidente do Conselho Deliberativo, que considera a Assembleia Geral - convocada com base no artigo 62, parágrafos 4º e 5º do Estatuto, no artigo 63, parágrafos 1º e 2º do Estatuto, e no artigo 59º, inciso 4º, do Código Civil - um marco histórico para o Rubro – já que serão votadas adequações pertinentes no Estatuto do America – e convoca os associados para a importante reunião. Isso fica evidente no motivo principal da convocação: atender a Lei 13.155/2015 do PROFUT, que, entre seus benefícios, visa proteger o futuro das instituições ao atribuir responsabilidades legais aos seus administradores, além de dar condições para um crescimento financeiro do clube.

- Eu acho que todos os clubes do Brasil tem que se adaptar a uma filosofia profissional. Mais que isso, de respeito com os sócios-proprietários e com a verba da instituição. Fazendo com que seu presidente utilize essa verba em prol desse clube, seguindo os trâmites legais, sem comprometer o futuro da instituição. Por isso ressalto a importância da presença de todos os sócios nesta Assembleia Geral. Trataremos de alterações importantíssimas em nosso Estatuto, que vão de encontro à lei, que deve ser respeitada. Além disso, as mudanças vão ajudar a equacionar as dívidas do clube, fazer uma previsão de pagamento, criar medidas para que o clube tenha verbas mensais, de forma que possa saldar seus compromissos. Ou seja, fazer a instituição crescer com uma base sólida, e não com utopia – comentou.

Neil lembrou que é importante a presença do maior número de sócios possível - primeira convocação às 08h30min, com a presença mínima de 150 sócios quites, ou em segunda convocação às 09h30min, com 75 sócios igualmente quites – na Assembleia, englobando todos os associados - maiores de 18 anos e com pelo menos um ano no Quadro Social do Clube - em dia com suas obrigações sociais - incluindo o mês de outubro de 2015. O Presidente do CD ainda frisou que a adequação do Estatuto é pró America, sendo assim, ´suprapartidária` - portanto, institucional. E apesar de defender vigorosamente uma reforma estatutária, Neil Chaves ressaltou que não é o que acontecerá neste sábado (17) no Club Municipal - apesar da reforma ser tópico em reuniões futuras -, e sim uma adequação à Lei.

- Espero que os associados, principalmente os torcedores, entendam que esta Assembleia Geral não é uma questão política, nem para agradar a gestão atual, mas sim uma questão institucional. Os sócios não podem pensar pequeno, não participar e incentivar que outros não compareçam. Estamos falando da instituição. Acredito que os associados terão isto em mente e, pensando no America, vão comparecer e as adequações no Estatuto serão aprovadas. Defendo estas adaptações e, em breve, a mudança do Estatuto como um todo, numa reforma ampla. Se tudo der certo, espero uma festa nesta sábado (17) e que em 2016 nós consigamos fazer esta reforma. Com isso a instituição poderá andar sozinha, com um cunho sério e bem profissional – finalizou o Presidente do Conselho Deliberativo do America.

Clique nos links abaixo e veja a Lei e as adequações no Estatuto:

> Lei 13.155/2015 do PROFUT

> Adequações no Estatuto parte 1 de 3

> Adequações no Estatuto parte 2 de 3

> Adequações no Estatuto parte 3 de 3