Duílio quer a manutenção do bom futebol recente (Laís Patrício / America Rio)

07/02/2018
Para encaminhar permanência na elite, Mecão busca a trinca em casa

Foi traçada uma meta, há alguns jogos, que não permitia erros. A estratégia era simples, mas ambiciosa: vencer os três jogos seguidos que a tabela do Grupo X reservava para o Estádio Giulite Coutinho, fato que deixaria o America muito, mas muito perto da permanência na Série A. O time enfrenta o Resende nesta quarta-feira, às 16h, pronto para cumprir à risca o planejamento executado. Nos últimos dois jogos, Goytacaz e Bonsucesso foram superados com bom futebol e muita determinação, tudo o que se espera para esse duelo decisivo.

O desafio de buscar os nove pontos em casa foi proposto pelo técnico Duílio e pela diretoria justamente após o revés da abertura do Grupo X, contra o próprio Resende, fora de casa. Cumprí-lo é o objetivo, já que está pontuação pode ser a suficiente para assegurar a permanência, ainda que não nesta rodada.

- Eles sabem que se algo não der certo na quarta-feira aquele planejamento vai todo por água abaixo. Felizmente, vejo nosso time com brilho nos olhos de quem quer cumprir o objetivo, o que torna o meu trabalho mais tranquilo - ressaltou, antes de relembrar o último confronto, contra o Bonsucesso, e defender os seus comandados.

- Teve gente que disse "ah, foi o jogo mais facil que perdi". Não vão tirar o valor da equipe do America, não. Três a um é três a um. Contra o Resende, buscaremos fazer novamente o melhor. Sabemos, porém, que no total ainda faltam nove pontos. Nós queremos todos eles.

O Resende, por sua vez, é uma pedra no sapato. Foram duas derrotas em dois jogos contra o time do Sul Fluminense, ambas fora de casa. Esse retrospecto recente deixa o time ainda mais desafiado para o duelo.

- Isso nos motiva mais. No último jogo contra eles, o America não existiu no primeiro tempo, mas aprendemos a lição. Vamos usar o fator casa e jogar como temos jogado. Já deu. Dois jogos, duas derrotas. Temos de mostrar pra nós mesmos que temos condições de vencê-los, mesmo respeitando muito o adversário. E com isso, colocaremos a mão, o pé e os dedos na permanência para o ano que vem. Jogadores estão com pé no chão, são sabedores da situação que vivemos. Teremos um America forte, pra frente, buscando o resultado.

Histórico dos confrontos
Como já dito, o Resende venceu as duas últimas partidas contra o America, ambas em Resende, por 3 a 2 (Fase Inicial) e 2 a 1 (Grupo X). Anderson Künzel e Assis marcaram no primeiro jogo, enquanto Assis voltou a marcar no segundo.

O America tentará quebrar mais uma escrita, assim como fez contra Bonsucesso e Goytacaz, adversários que não eram batidos desde 2013. O último triunfo sobre o Resende aconteceu em 10 de fevereiro de 2016, pelo Estadual. Fábio Braz e Leandro Aguiar fizeram os gols da vitória por 2 a 0.

Retornos e baixas
O departamento médico do America tem três jogadores no momento. Os atacante João Douglas e Hudson romperam o ligamento cruzado do joelho e tiveram de passar por cirurgia. Ambos trabalham diariamente com os fisioterapeuta rubros. O zagueiro Lucas Gama, que sofreu um pisão no mesmo pé no qual teve uma fissura no fim da temporada passada, ainda não tem previsão de retorno.

Arbitragem
Apitará o duelo José Waldson de Matos Modesto, que terá Wagner de Almeida Santos e Flávio Manoel da Silva como assistentes nesta partida.

Ingressos
Promoção mantida! Os 300 primeiros torcedores que chegarem ao GC no dia do jogo de camisa vermelha ou com outro modelo de camisa do America terão direito a entrada gratuita. Para isso, será necessário apenas ir até o portão de entrada, onde funcionários do clube farão o controle do acesso.

Os que não forem contemplados podem adquirir entradas pelo preço padrão: R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia). Sócios-torcedores dos planos America 1922, 1960 e 1982 em dia com seus pagamentos têm entrada gratuita assegurada.

Transmissão
A partida será transmitida por algumas rádios, com a FutRio, a Grande Rio e a Rádio Ferj.

- Departamento de Comunicação - AFC