23/07/2018
Copa Rio: Mecão busca superar sua melhor campanha, realizada em 1994

Depois de não estar habilitado para a disputa da Copa Rio do ano passado, o America volta ao torneio neste ano disposto a buscar o maior prêmio que a competição oferece: a recolocação no cenário nacional, já que os finalistas do evento disputam ou a Copa do Brasil ou a Série D do Brasileirão da temporada seguinte.

Para isso, será necessário que o Mecão supere sua melhor campanha histórica na competição, obtida em 1994. Neste tempo, porém, o campeonato era bem diferente: começava com uma fase de grupos, separava os clubes da capital dos demais do interior e contava com a participação do Quarteto de Ferro. Tal como hoje, o clube campeão chegaria a um torneio nacional, na época a Copa do Brasil.

Naquele ano, o America passou pela Fase de Grupos como líder do Grupo 2, que tinha Olaria, Portuguesa e São Cristóvão, avançando a uma espécie de quartas de final da Chave da Capital. Nela, o adversário foi o Vasco. Depois de o jogo de ida não ter sido realizado, empate em 2 a 2 no jogo de volta, em Sâo Januário. Começava uma polêmica, já que o time da casa não quis jogar a prorrogação. O caso iria para os tribunais, mas o Vasco não quis briga e o Mecão seguiu no certame.

Na semifinal, o Flamengo no caminho e uma disputa acirradíssima. Mecão venceu a ida por 2 a 1, perdeu a volta por 3 a 2 no tempo normal, na Gávea. Um gol de Baiano na prorrogação, no entanto, fez o America avançar à final da Capital e às semifinais do campeonato.

Depois de perder por 4 a 1 pro Fluminense na final da capital, que determinaria apenas os cruzamentos da semifinal geral, o Volta Redonda foi o adversário do America. No jogo de ida, no Caio Martins, o time da Cidade do Aço surpreendeu e fez 3 a 1. Na volta, porém, no velho Raulino de Oliveira, triunfo rubro por 1 a 0 nos 90 minutos, mas, infelizmente, revés de 2 a 1 na prorrogação. Ali, entre os quatro melhores, acabava a participação rubra. Buscaremos em 2018 esse passo a mais.

- Departamento de Comunicação - AFC