Miguel disputa a bola com adversário (Marcio Menezes / America Rio)

17/08/2019
Expulsão no início complica o jogo e America acaba superado pelo Duque

Em jogo no qual foi obrigado a atuar com um jogador a menos por mais de 80 minutos, já que Deola foi expulso aos 13 minutos da etapa inicial, o America acabou superado pelo Duque de Caxias por 1 a 0, na tarde deste sábado, no Marrentão. O gol do time da casa foi marcado por Washington, aos 41 minutos do primeiro tempo.

Com o resultado, o Mecão permanece com três pontos na Taça Corcovado, agora em duas partidas. O próximo compromisso rubro será no próximo sábado, 15h, contra o Barra da Tijuca, em local a ser confirmado.

O cartão vermelho aplicado ao goleiro Deola em lance no qual o camisa 1 teve de realizar uma defesa com as mãos fora da área mudaria os caminhos do duelo. Naturalmente, a equipe da casa se lançou ao ataque e pressionou o Mecão. Filipe, que entrara no jogo no lugar de Robinho, fez ótimas defesas, mas não conseguiu evitar o gol do time da casa aos 41 minutos, após bate-rebate na grande área.

No segundo tempo, o America conseguiu ser melhor que o rival, mesmo com a desvantagem numérica. Ao fim do duelo, a dedicação do time foi justamente retribuída com aplausos dos rubros presentes.

Duque de Caxias 1 x 0 America
17/08/2019 - Marrentão, em Duque de Caxias
Campeonato Estadual (Série B1) - Taça Corcovado (3ª rodada)
Gol: Washington aos 41 minutos do primeiro tempo

Duque de Caxias: Jaime; Oziel, Dilsinho, Allan Miguel e Alan Pires; Igor (Neves, 23 do 2º), Sidney, Kariri (Darlan, 27 do 2º) e Washinton (Lorran, 39 do 2º); Felipe Araújo e Léo Guerreiro. TEC: Mário Júnior.

America: Deola; Wagner Diniz, Lucão, Vladimir e Rafinha; Araruama, Sandro Silva (Chayene, 15 do 2º), Miguel (Anderson Künzel, intervalo) e Robinho (Filipe, 14 do 1º); Matheus Babi e Pedrinho. TEC: Ney Barreto.

Arbitragem: Paulo Renato Moreira da Silva Coelho, auxiliado Andréa Izaura Maffra Marcelino de Sá e Fernanda Vieira do Nascimento
Cartões amarelos: Sidney e Léo Guerreiro (DUQ); Miguel, Pedrinho e Anderson Künzel (AFC)
Cartão vermelho: Deola (AFC)

- Departamento de Comunicação - AFC









COMPARTILHE: