Meia está à disposição de Ney Barreto (Marcio Menezes / America Rio)

21/11/2019
Mente sã, corpo são: Nivaldo se prepara para o retorno aos gramados

Um ano e meio sem atuar. Uma lesão grave, uma cirurgia e um longo inverno que, felizmente, está bem perto de acabar. Tempos difíceis pelos quais passou o meia Nivaldo, que hoje volta a exibir o alto astral e o sorriso que sempre ostentou com a camisa rubra. Treinando com desenvoltura, o jogador está pronto para voltar aos gramados e mostrar o talento que já ajudou o America em várias oportunidades.

Depois desta fase dura, porém, Nivaldo - que tem 39 jogos e 10 gols pelo clube - rechaça qualquer ansiedade. Mais do que jogar, ele quer acertar.

- A vontade de voltar a vestir a camisa do America em jogos oficiais é grande, mas estou bem tranquilo em relação a isso. Preciso ter paciência e trabalhar direitinho, pra quando estiver na competição poder ir bem e ajudar o clube a se reerguer - ressaltou.

Na semana seguinte ao fim da Série B1, enquanto os companheiros curtiam as férias, Nivaldo já treinava, sempre acompanhado do preparador físico do Mecão, Felipe Venturin. Decisão importante, cujos frutos devem ser colhidos durante o Estadual.

- Eu ter voltado a treinar antes dos demais tá me fazendo bem, eu realmente precisava disso. Com os amistosos que estão por vir, irei ganhar ritmo de jogo e isso vai me ajudar para que no dia 21 esteja 100 % fisicamente e tecnicamente - destacou, citando a data da estreia, contra o Macaé.

E qual será o Nivaldo que voltará em breve aos gramados? O torcedor rubro sonha com o retorno do meia inteligente e habilidoso, cujo talento sempre foi um trunfo para o time. O emocional, no entanto, deve vir melhor. O meia garante estar com a cabeça renovada e mais amadurecido:

- Esse foi o período mais difícil e o mais importante da minha vida. Hoje posso dizer que sou uma pessoa diferente, com uma cabeça melhor, mais focado pra alcançar meus objetivos. Deixei de lado coisas que já prejudicaram bastante minha carreira e procuro escutar mais quem tá do meu lado. Amadureci bastante. Tudo é na vontade e no tempo de Deus. Feliz por ter voltado e principalmente por estar apto a participar de uma fase importante para o clube. Tudo passa, chegou a hora de sorrir.

- Departamento de Comunicação - AFC


COMPARTILHE: