Flávio está cotado para ser titular na semifinal | Foto: Raffa Tamburini-Agência Sangue

29/03/2014
America recebe Olaria em busca de vaga na decisão

Não há mais o que esperar, chegou o dia da semifinal da Taça Santos Dumont e, neste sábado (29), no Estádio Giulite Coutinho, em Mesquita, o America vai lutar para se garantir na decisão do torneio. Neste confronto, contra o Olaria, o Mecão, que vem de cinco vitórias seguidas na competição, joga pelo empate para avançar para a finalíssima do primeiro turno do Estadual.

Para o confronto o treinador Gilson Nunes não vai poder contar com o zagueiro Douglas Ferreira, suspenso, e com o volante Muniz, que ainda se recupera de uma torção no tornozelo direito. Com isso, Ramon, na zaga, e Flávio, no meio-campo, assumem a titularidade. Flávio, que entrou bem no duelo contra o Olaria, na quarta (26), que valeu a classificação para a semifinal, garantiu que o torcedor rubro pode ficar tranquilo, pois no que depender dele, não vai faltar empenho na busca pela vaga na final.

- Estou tranquilo e o torcedor pode ter confiança em mim. Recebi uma oportunidade e pretendo agarrá-la. Vou entrar com muita garra e luta e, podem ter certeza, não vai faltar determinação. Tudo em busca do nosso objetivo, que é sairmos com a classificação para a final.

Mesmo com a vantagem do empate e embalado com uma sequência de cinco vitórias seguidas, Flávio ressaltou que o America não vai entrar com o pensamento de favorito para o duelo. De acordo com o volante, os rubros vão atuar com os pés no chão e o mesmo respeito que tiveram com todos os adversários nestes cinco triunfos consecutivos, para tentar conseguir a classificação.

- Vai ser um jogo de igual para igual, sem favoritos. Vamos com os pés no chão, como fomos em todas as partidas para buscar a vitória. Acredito que a nossa equipe vai atuar com tranquilidade e, procurando fazer o nosso melhor, espero que a gente consiga avançar na competição – concluiu.

A partida
America x Olaria – Taça Santos Dumont, Semifinal – 29/03/2014, às 15h

Estádio Giulite Coutinho (Mesquita-RJ)
Árbitro: Daniel de Sousa Macedo
Assistentes: José Carlos Batista de Arruda e Daniel da Silva Alexandre
4º árbitro: Leonardo Rotondo Pinto

America: Felipe Eduardo; China, Thadeu Paraguai, Ramon e Noel; Taércio, Alan (c) e Flávio; Marcelinho, Castro (Betinho) e Léo Guerreiro. Técnico: Gilson Nunes.