Treinador ressaltou animação dos rubros nos treinamentos. Foto: Raffa Tamburini/America Rio

03/07/2015
Ricardo Cruz avalia jogo-treino e motivação dos rubros para o Triangular

O Mecão realizou seu último jogo-treino antes de estrear no Triangular Final do Campeonato Carioca., na quarta-feira (8/7), contra o Americano. Nesta quinta (2/7) os rubros derrotaram o Duquecaxiense por 4 a 2 - com destaque para o volante Ramon, autor de dois gols - e, na atividade, puderam aprimorar os aspectos físicos, técnicos e táticos. O trabalho, que serve de preparação para o duelo contra o rival de Campos, foi elogiado por Ricardo Cruz, o treinador do America.

Lógico que qualquer partida que a gente dispute, seja jogo-treino ou não, a gente entra para vencer (e usa isso como objetivo). Mas muito mais importante que isso foi observarmos a movimentação. Treinamos a parte tática, as combinações de ataque, o encaixe de defesa e a marcação, visando o jogo contra o Americano (na quarta-feira, dia 8). Isso é o importante e estou feliz que aconteceu bastante coisa (boa) no treinamento - disse.

O comandante dos rubros fez questão de comentar algo além da atividade: a motivação do elenco. Contente com o trabalho que vem sendo executado, Ricardo Cruz falou que não houve queda de dedicação nas atividades após a derrota da Portuguesa na final do returno - que apontou a necessidade do Triangular, impedindo o acesso direto da Lusa e do Mecão. De acordo com o treinador americano, os atletas se mostraram animados ao retomarem os treinamentos, pois se sentem confiantes e confortáveis em brigar pelo acesso para a Série A do Estadual.

- (A cabeça de todos) está 100%. A gente esperava e torcia para um resultado que nos fosse favorável (na final do returno), mas não aconteceu. Contudo eu procurei deixar os jogadores preparados e por isso iniciamos a semana muito bem. O pessoal está animado e com a certeza de que a gente pode e vai entrar (no Triangular Final) para brigar pela nossa vaga (na Série A) - concluiu.

Preparador de Goleiros é incorporado

Vitorioso como jogador e peça fundamental no único título internacional da história do Botafogo - Copa Conmebol -, William Bacana foi integrado a comissão técnica do America de forma oficial. Formado na base do Rubro, onde ficou de 1984 a 86, o Preparador de Goleiros - que na função tem passagens por Bahia, Seleção Brasileira Feminina, Arábia Saudita Sub17, Nova Iguaçu, entre outros - chegou ao Mecão na quarta (1/7) e oficializado (como membro efetivo da Comissão Técnica) no dia seguinte (2/7).

- É uma responsabilidade. Pois chego no America com tudo pronto, os goleiros já estão com uma forma física e técnica muito boa. Tenho que ter o tato para não fazer algo a mais e nem de menos, para que nesse período importante esteja tudo onde deve estar. Gostei muito do nível dos goleiros e a equipe tem um elenco forte, bem treinado. Além disso é muito legal voltar ao America. Poder contribuir é como se eu pudesse retribuir, fazer o que o America fez por mim. Porque se eu fui jogador de futebol foi em virtude da oportunidade que o Rubro me deu. Por isso é um prazer e vou dar o meu máximo.

Treinos de sexta, sábado e estreia

Durante aproximadamente 1h30min os rubros treinaram na tarde desta sexta (3/7), no Estádio Giulite Coutinho, em Mesquita. O time americano realizou trabalhos táticos - ataque contra defesa - e técnicos - campo reduzido - no gramado principal do GC. No sábado (4/7), no mesmo local, mas na parte da manhã, o America encerra sua semana de treinamentos preparatórios para o jogo das 20h de quarta (8/7), contra o Americano. A partida de estreia do Rubro no Triangular Final da Série B vai ser disputada no Estádio Aryzão, em Campos dos Goytacazes.







COMPARTILHE: