America Football Club

Um dos destaques da base, o zagueiro Brayan comemora o bom momento que está vivendo no America

Compartilhar
Brayan em disputa de bola, durante o jogo contra o Botafogo (Foto: Vinícius Lima/AFC)
Apesar do empate em 0 a 0 contra o Botafogo, o torcedor americano pode ver mais uma vez uma boa atuação do time, em especial do sistema defensivo.

Apesar do empate em 0 a 0 contra o Botafogo, o torcedor americano pode ver mais uma vez uma boa atuação do time, em especial do sistema defensivo. O trio de zaga formado pelo capitão Giulliano, o Sub-23 Lucas Gomes e o recém profissional Brayan não deram chances ao bom time alvinegro. O camisa 3 do Mecão foi um dos destaques da defesa, com uma atuação segura e firme. Apesar de ser mais novato entre o trio, Brayan tem mostrado muita maturidade durante os jogos. Em entrevista, conversou conosco sobre as boas atuações, os conselhos do técnico Marcus Dantas e também do momento familiar especial que está vivendo: a paternidade. Confiram!

Você foi um dos destaques do jogo de ontem. Ao que se deve a boa atuação? 

– Fiquei muito feliz com a minha atuação no jogo de ontem, principalmente por ter contribuído com a equipe de alguma forma. A boa atuação não se deve só a mim, e sim a todo trabalho que há no entorno, tanto da Comissão Técnica quanto da preparação física. Foi uma grande partida do grupo. É valorização de um trabalho que vem sendo feito, principalmente a confiança nos companheiros, no treinador e em todos os profissionais envolvidos no processo. Isso nos facilita em fazermos o nosso melhor as nossas tarefas. Agora é se manter focado para os próximos caminhos que vêm.

O técnico Marcus Dantas cobra muito de vocês durante os treinos. O que mais evoluiu em você de quando chegou até hoje? 

– Marcus (Dantas) cobra muito durante os treinos e isso faz parte da rotina de um jogador de futebol. Isso foi muito importante para a minha evolução. Minha parte física evoluiu muito, acho que estou no meu melhor momento físico. Na parte técnica, cresci muito pelo trabalho passado pela Comissão Técnica e todos conceitos aplicados, sem falar da confiança que me passam para jogar de todos no clube é fundamental para sempre aprimorar e evoluir. 

Você vai ser pai em breve. Como essa fase tem contribuído para o seu crescimento?

– Deus me deu essa benção. Eu estou feliz demais. Quando recebi a notícia, foi um pouco difícil, ainda mais por eu ser novo (tem 19 anos), minha namorada também é nova. Então, é sempre complicado contar para a família. Mas tudo deu certo. A felicidade é enorme. Ser pai é um sonho meu desde criança e fui abençoado com esse momento. Eu tenho crescido bastante nessa fase que venho passando, como pessoa e jogador. A cada dia, a cada jogo e treino, eu luto por eles e pela minha família. Luto para dar uma vida boa para o meu filho, com tudo que sempre quis e não pude ter. Então, dedico tudo ao máximo para eles.

Muitas pessoas comentaram sobre a sua serenidade e frieza durante os jogos. Isso é algo da sua personalidade ou você faz algum tipo de trabalho especial para se manter concentrado? 

– Faz parte dos dois. Para ser jogador de futebol, é preciso ter muita personalidade no que você está fazendo, além de confiança. Então, é um pouco dos dois: jeito e trabalho. Se você não trabalhar aquilo que tem de melhor, não tem como, não irá progredir. Então, tudo envolve um esforço. Com toda a minha dedicação e a confiança que meus companheiros passam fazem com que eu consiga manter essa frieza e serenidade na hora de tomar as decisões durantes os jogos. Eu estou muito feliz por viver esse momento.

Para o jogo de sábado, mais uma partida dura. O segredo para buscar a classificação é manter a mesma postura que teve no jogo de ontem?

– Nesse primeiro jogo, nós fomos muito bem, mas faltou um pouco de frieza na hora de definir a última bola. Tivemos boas oportunidades. Na volta, será um jogo muito difícil. A equipe do Botafogo é bem forte e a gente sabe que teremos muita dificuldade. Contudo, não deixaremos de fazer o nosso jogo – eu diria até que fomos melhores – e vamos buscar essa classificação. É isso que todos nós queremos   

Relacionados

Comunicado

Diretrizes Eleição do Conselho Deliberativo

Gostaríamos de convocá-los para a próxima reunião do Conselho Deliberativo, que ocorrerá no dia 1° de abril de 2024, às 19h, no auditório da SINOREG/RJ, localizado na Rua da Ajuda, 35, 4° andar 1, Centro.

Newsletter

Scroll to Top